Slider
DestaqueNotícias

Kátia Born cria primeiro problema entre JHC e Ronaldo Lessa

Vice-prefeito eleito faz indicação de Born para secretariado, mas equipe do prefeito resiste

A composição do primeiro escalão da prefeitura de Maceió a partir de 2021 está repercutindo e expondo feridas antigas, ainda não cicatrizadas. O prefeito eleito JHC e a ex-prefeita Katia Born já se “estranharam” no passado por conta do comando do PSB em Alagoas.

Kátia perdeu a legenda e teve que pedir socorro ao presidente do PDT no Estado, Ronaldo Lessa, para não ficar sem partido. De lá para cá, a ex-prefeita e JHC não sentavam na mesma mesa.

Chegou 2020 e as indiferenças pareciam terem sido ajustadas. Born e JHC ficaram no mesmo palanque, onde ela disputou uma vaga na Câmara Municipal e foi derrotada.

Com a vitória de JHC para prefeito, Kátia Born estaria apelando para que Ronaldo Lessa, vice-prefeito eleito, consiga espaço de destaque para ela na gestão. Os olhos de ambos estão voltados para a secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social. A pasta, tradicionalmente, é cedida aos vice-prefeitos das últimas gestões.

Lessa chegou a se reunir nessa quinta-feira (03) com o vice-prefeito e secretário de Assistência Social, Marcelo Palmeira, para “conhecer” de perto a estrutura.

Mas acontece que a equipe de JHC resiste duramente a indicação de Kátia Born para assumir uma secretaria municipal na nova gestão. “Qualquer um, menos ela”, teria dito um dos homens fortes de JHC.

Nos corredores do PDT, Ronaldo Lessa tem sido aconselhado a aceitar o que JHC determinar para não acabar ficando sem nada.

JHC é o dono da caneta e pode decidir se Ronaldo Lessa fica com um pedaço do “bolo” ou sem nada. O ex-governador de Alagoas terá de escolher entre o espaço na gestão ou a permanência de Born no PDT.

Berg Morais

Berg Morais - Jornalista, MTE - 1769/AL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar