Slider
DestaqueNotícias

“Ingratidão, covardia e traição”, diz Marx sobre Marcelo Beltrão

Familiares se tornaram rivais por causa da prefeitura de Coruripe

Durante convenção partidária no município de Jequiá da Praia, o deputado federal Marx Beltrão (PSD) desabafou sobre o mal-estar que tomou conta da família após o lançamento da candidatura do deputado estadual Marcelo Beltrão (Progressistas) à prefeitura de Coruripe. O irmão de Marx, Maykon Beltrão (MDB), também está na disputa majoritária em busca do comando da cidade onde a família iniciou sua trajetória política.

Em tom emocionado, Marx disse que não iria falar mal de seu adversário, pois não se rebaixaria ao mesmo nível dele. “Todo mundo tá esperando aqui que eu fale mal do Marcelo. Que eu fale mal do Marcius. Que eu esculhambe eles. Eu não vou fazer isso. Eu não me rebaixo a eles”, destacou.

O deputado federal foi além e, mesmo afirmando amar Marcelo e Marcius, revelou que sente a dor da ingratidão. “O que me dói é a covardia. O que me dói é a traição e a ingratidão de quem eu sempre dei a mão”, disparou.

Divisão familiar

Embora a “briga” pela prefeitura seja entre famílias, Marcelo Beltrão não está sozinho. Ele tem o apoio “de sangue” de Roseane Beltrão (prefeita de Feliz Deserto) e Marcius Beltrão (prefeito de Penedo). O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Victor (Solidariedade) e o deputado Arthur Lira (Progressistas) também estarão no palanque do parlamentar.

Marcelo mostrou que não está para brincadeira, nem se apega a cargos. Mesmo correndo o risco de perder o mandato na Assembleia Legislativa, o parlamentar saiu do MDB, no mês de abril, para disputar a prefeitura de Coruripe.

Berg Morais

Berg Morais - Jornalista, MTE - 1769/AL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar