Câmara de Vereadores outorga Título de Cidadão Honorário de Palmeira a defensor de causas indígenas


Na manhã desta quarta-feira (18), a Câmara Municipal de Palmeira dos Índios realizou Sessão Ordinária. Em pauta, a discussão e votação de vinte e cinco proposituras sob a batuta do presidente da Casa de Leis, vereador Júnior Miranda. Em Sessão Solene, o parlamento concedeu o Título de Cidadão Honorário de Palmeira dos Índios ao Professor José Adelson Lopes Peixoto.

Através de Decreto de autoria do vereador Pedrinho Gaia, o professor, escritor, historiador e defensor das causas indígenas, Adelson Lopes, que é natural do município de Lagoa do Ouro –PE, recebeu a honraria, durante Sessão Solene. Ele falou sobre a satisfação em receber o título de Cidadão Honorário de Palmeira dos Índios. “O que importa no caminho é com quem caminhamos. Não tenho como receber esse título sem dizer que ele é também do povo indígena”, destacou.

Em seu discurso, Pedrinho Gaia destacou o trabalho realizado pelo homenageado em prol de uma educação que liberte e emancipe o povo indígena de Palmeira dos Índios e em todo o Estado. “O que supera seus títulos são seus méritos. Reconhecer o professor Adelson é reconhecer o que Palmeira tem de melhor”, disse o parlamentar em tom de emoção.

Já o Cacique Celestino, representante da classe indígena, aproveitou o momento para reivindicar melhorias nas estradas de acesso às comunidades indígenas do município. “Nosso povo precisa de mais atenção, nossas crianças precisam de mais segurança. Melhorando nossas estradas, melhora nossa qualidade de vida também. “Não sei ler, nem escrever. Mas sou um acadêmico selvagem”, enfatizou.

Retomada a Sessão Ordinária, o presidente da Casa, vereador Júnior Miranda conduziu os trabalhos para discussão e votação de importantes matérias cujo intuito é beneficiar a população palmeirense. Dois Projetos de Lei foram apresentados em Plenário: o PL Projeto CM 017/2018, de autoria da Vereadora Adelaide França, que dispõe sobre a criação do programa de prognóstico e diagnóstico de autismo na rede municipal de ensino; e o PL CM 018/2018, de autoria do Vereador Cristiano Ramos, que propõe a criação do Fundo Municipal da Pessoa Idosa do município de Palmeira dos Índios.

Outras dezessete indicações para melhorias nas áreas de infraestrutura, saúde, educação e trafegabilidade urbana foram apresentadas pelos vereadores Cristiano Ramos, Maxwell Feitosa, Abraão do BMG, Toninho Garrote, Adelaide França, Dindor e Joelma Toledo.

A Sessão Ordinária foi encerrada em horário regimental, onde o presidente Júnior Miranda fez convocação para a próxima sessão no dia 25 de abril.